Fórum de RPG: Islands
Sejam bem-vindos! Faça o login ou registre-se e participe dessa nova aventura!

Para os já membros: nova missão à vista! Para mais esclarecimentos, vá ao tópico Missão 1, localizado no fórum Atualizações do Narrador.
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Calendário

Calendário:
Então, como todos que jogam sabem, nós seguimos um calendário de turnos. Nessas primeiras semanas turnamos no dia 07 de junho de 2080. Dia 04 de junho de 2011 todos os turnos devem ser encerrados para que o novo dia comece. Dessa vez pularemos duas semanas, estaremos turnando no dia 21 de junho de 2080. Postaremos com o narrador resumindo toda a trama. Aguardem!


Votações
Melhores FPs:
VOTE AQUI!

Ganhadores dos Melhores Turnos:
Lisa Marie, Angelique, Claude Barton e Adam
Confira aqui!

Melhores Avatares:
VOTE AQUI!

Ganhador dos Melhores Posts:
Lisa Marie Barton e Arauel (Player: Bibs)
Confira aqui!

Avisos
Missão do semestre:

Aves Encantadas: CLIQUE AQUI!

Novidade das missões:
Novo poste com o narrador AQUI.

Novidades:
Novas Votações!

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 14 em Sab Jun 22, 2013 3:47 am
Últimos assuntos
» [CHAT & FOFOCAS]
Ter Jan 06, 2015 9:35 pm por Beliel

» [PERSONAGENS E PHOTOPLAYER]
Ter Maio 28, 2013 1:05 pm por Selene Corvinus

» [FP] Selene Corvinus
Seg Maio 27, 2013 7:49 pm por Selene Corvinus

» [VAGAS DAS RAÇAS E PEDIDOS]
Seg Maio 27, 2013 7:34 pm por Selene Corvinus

» [FP] Conde Clawss
Dom Maio 12, 2013 4:33 pm por Ishtar

» [LISTA E VAGAS DE EMPREGOS]
Qua Maio 01, 2013 3:48 am por Conde_Clawss

» Bar e Hotel London
Qui Jan 03, 2013 6:40 pm por Ishtar

» Malek Falls Vaclavs
Dom Abr 15, 2012 1:21 pm por uivo-trovao

» [FP] Aaron Larkin.
Qui Jan 05, 2012 6:24 pm por Aaron Larkin

Parceiros

[FP] ▬ Arwen Undomiél

Ir em baixo

[FP] ▬ Arwen Undomiél

Mensagem por Arwen Undomiél em Sab Set 03, 2011 6:08 pm


Ficha de Personagem

Nome (Completo): Arwen Undomiél
Como gosta de ser chamado: Wen
Idade:17
Sexo: Feminino

Filiação (se tiver família pronta):
Raça: Bruxa
Onde vive: Não tem lugar fixo
Trabalho: Detetive

Cabelos: Negros
Cor dos olhos: Alternam entre verdes e zuis.
Aparência (em geral, coloque o que você achar essencial): Curvas bem distribuídas, e chamativas, altura mediana, lábios bonitos e vermelhos como maçãs, e olhos lindos e encantadores. Está sempre com vestidos curtos, ou até mesmo saias, optando por calças apenas quando essas são de couro e bem justas.
Marcas, tatuagens e afins: Tatuagem de uma ave fênix na base do seio esquerdo.

100 PONTOS PARA DIVIDIR:
Destreza: 12
Carisma: 10
Inteligência: 20
Raciocínio: 20
Força: 18
Autocontrole: 10
Coragem: 10

Sua história:

A verdadeira essência de Arwen Undomíel


Sabe quando o mundo inteiro parece lhe virar as costas sem motivo algum? Quando parece que nunca vão lhe aceitar entre os seus, por algum motivo que você desconhece? Se sim, cuidado, um segredo pode estar prestes a lhe ser revelado. Se não, bem vindo ao meu mundo.

Filha de pessoas da alta sociedade e bem sucedidas, Arwen era nada mais nada menos do que uma adolescente rebelde aos olhos de seus pais. Acostumada com tudo do bom e do melhor, a garota sempre se viu mimada e cercada por várias pessoas, que sempre faziam sua vontade, independente de qual fosse. O que poucos sabiam era que na verdade, a garota não queria muito, apenas um pouco de reconhecimento deles, e por isso tendia a sempre querer chamar a atenção de todos para si. Embora sempre tivesse muito ao seu redor, e dispostos a fazer o que ela desejasse a garota ainda assim sentia-se só, pois na escola e em meio a outras pessoas era vista como algo do qual deveriam manter distância.
Muitas coisas sem explicação lógica aconteciam quando ela estava por perto, mas descrente como era, Arwen nunca deu a menor importância sequer. Sempre que os fatos sem explicação aconteciam, Arwen tinha consigo uma varinha, esta era presente de sua avó que insistia em dizer a garota que sua verdadeira natureza ia muito além de ser uma jovem bilionária. De início, tudo era realmente confuso para a jovem bruxa, mas um dia no baile da escola de formatura da escola, tudo mudou...

A minha fantasia...


A noite denunciava uma bela diversão que poderia vir a acontecer, ao menos para quem tinha amigos sim. Eu estava realmente impressionada com o convite de Richard, o garoto mais paquerado de toda a escola, e assim como eu de família nobre e de grande poderio na sociedade. O baile seria a fantasia, coisa que fora decidida pelas líderes de torcida da escola que ficavam encarregadas dessas festas na maioria das vezes. Eu pretendia me fantasiar de fada, ou princesa, mas a minha avó insistia que eu fosse de bruxa, e disse que a noite reservava grandes planos para mim. Sem querer contrariar a coroa que eu tanto amava, fiz o que ela me dizia e me vesti de bruxa da forma como eu gostava, levemente sensual. Meu vestido era negro e bem curto, acima do joelho e eu tinha um pequeno chapéu branco, claro da atualidade que combinava em muito com o meu vestido. Depois de me despedir dos meus pais, e da minha avó fui em direção ao destino sem esquecer a varinha que minha tanto insistia para que eu levasse, não pude deixar de admitir que a varinha me caiu muito bem fantasiada de bruxa.

Alguns minutos depois...

Segui de limusine até o grande salão onde o baile iria acontecer, logo que saí pude perceber vários olhares voltados para mim. Sorri com certo cinismo e segui com passadas calmas em direção do grande baile, ouvindo em seguida o barulho do motor do carro que sem dúvidas já estava dando partida. O motorista já devia ter algum afazer, como apanhar meus pais para algum evento. Não dei muita importância ao que quer que fosse, até que enfim adentrei o salão e logo pude sentir as mãos frias e gélidas de Richard que, acariciava de forma suave e carinhosa os meus braços. Corei instantaneamente e pude sentir o disparo do meu coração com a proximidade do garoto. Todo aquele movimento frenético do baile fora ignorado por mim, que parecia estar entorpecida com as mãos de Richard como jamais estivera antes. Antes que eu pudesse reagir de alguma forma fui interrompida pela voz de Richard, que soava em meus ouvidos com um tom meio roco e atraente.
E então, a garota mais linda de toda a festa veio... Eu não sabia mesmo como reagir, mas de alguma forma já estava me sentindo um tanto desconfortável com aquela situação. Não que eu não gostasse dele, afinal todas gostavam. Não exagere... não é pra tanto. Os olhos dele se encontraram com os meus, e o brilho dos meus próprios olhos refletiam-se nos dele. E então, me concede o prazer de uma dança mi lady? Sorri involuntariamente quando ele me fez aquela pergunta seguida de uma reverencia formal, e desvencilhei meu olhar, olhando para o chão, tentando disfarçar minha ansiosidade. Claro.. Respondi após uma breve pausa.my lord. Respondi igualmente, abaixando-me um pouco e segurei meu chapéu lançando um olhar sensual para ele. Ele piscou, demonstrando ter entendido o recado.
A caminho da pista de dança todos os outros casais pareciam voltar seus olhos a mim e ao meu parceiro, o que de fato não nos incomodou, pois dançamos agarradinhos, até o último momento da música. Tudo estava perfeito. Os braços de Richard estavam envoltos em minha cintura, enquanto os meus estavam ao redor de seu pescoço. Nossos corpos estavam colados, e nossos rostos tão próximos que eu podia sentir sua respiração, assim como presumo que ele podia sentir a minha. Eu não podia mais me conter, e assim como eu, me pareceu que ele estava da mesma forma que eu. Ambos fomos aproximando nossos lábios vagarosamente, e por fim, nos beijamos. O beijo fora intenso, mas ao mesmo tempo dotado de carinho e afeto. Naquele momento eu imaginava que a maioria das garotas naquele salão queriam me matar, ou dariam tudo para estar no meu lugar. Bom, a maioria senão realmente todas. Depois do beijo eu olhei nos olhos dele um tanto envergonhada, mas sorri e mordi o lábio inferior demonstrando o quão havia gostado daquele nosso momento. Ele sorriu igualmente, e voltou a me selar os lábios, dessa vez um selinho breve e singelo. Arwen, você precisa vir comigo. Ele sussurrou após aproximar os lábios de meu ouvido direito. Ou, ou ou. Vamos com calma. Esse foi só o primeiro beijo, na verdade, realmente o meu primeiro beijo. Ele meneou com a cabeça negativamente, e depois me olhou com certeza descrença. O que? Você não quer que eu acredite nisso, não é mesmo? Ele me avaliou dos pés a cabeça, e depois passou a mão direita pelas mexas de seu cabelo negro, como se demonstrando naquela ação também, um pouco de impaciência. Ok. Mas eu preciso que venha comigo por favor. A aproximação dele dessa vez foi brusca, e segurou com força meu braço direito e me puxou em meio a multidão. Eu de fato estava irritada, mas queria ver até onde ele iria levar aquilo.
Finalmente estávamos fora do Baile, e em meio a um beco escuro eu tomei alguma atitude. Ei, o que você pensa que está fazendo? Você sabe quem sãos meus pais, se algo me acontecer eles vão te caçar até o fim do mundo se preciso for. Arwen... você não é apenas uma garota cheia de grana, você é muito mais que isso. Estreitei meus olhos ao ouvi-lo dizer aquilo, e depois de tomar coragem suficiente perguntei: O que quer dizer com isso? A aquelas alturas ele já tinha me soltado, o que demonstrava que ele não pretendia me fazer mal algum, pareceu só querer me dizer algo que não poderia ser dito em meio a uma multidão de adolescentes. Você é uma bruxa Arwen. ▬ Minha reação fora de puro escárnio. Soltei uma risada sarcástica e teria caido de tanto rir, senão fosse por ver Richard tomar uma forma completamente grotesca e avançar contra mim. Afaste-se. Disse, estendendo a mão direita, que continha a varinha que emitiu um brilho tão forte que fez com que a criatura em que Richard havia se transformado recuasse. E aos poucos Richard tomou forma de novo assumindo sua aparência encantadora. Depois daquele dia toda a minha vida ia mudar, e eu sabia disso, mas não sabia se estava pronta para tamanhã mudância. Foi então que lembrei do que minha avó havia me dito, então esse era meu verdadeiro eu. E então, por que não está rindo agora? Ele me perguntou, mas a unica coisa que fiz foi lhe dar as costas como resposta e caminhar rapidamente em direção ao baile novamente, onde me infiltrei e saí rapidamente passando pelas ruas escuras da pequena cidade onde eu residia. Em um simples piscar, ali estava ele novamente, caminhando ao meu lado. O que é você? Perguntei em tom de dúvida e receio. Eu temia a resposta de certa forma, e estava esperançosa, me apegando a possibilidade de não existirem caçadores de bruxas reais, mas a resposta dele me surpreendeu ainda mais. Sou um Demônio. Minha reação fora quase imediata, me afastei dele e rapidamente fiz o sinal da cruz em mim mesma, olhando para ele com os olhos esbugalhados. Mas não se preocupe, não quero te machucar. Pelo contrário... quero sua ajuda. E aliás... se que quisesse te machucar, já o teria feito Eu estava realmente intrigada, ele parecia conhecer bem do mundo em que habitava e do qual fazia parte, por que a ajuda uma bruxa sem experiência alguma, e que havia acabado de descobrir sobre si mesma? Mas saiba que se aceitar me ajudar... nada será como antes. Eu sabia sim, no fundo de mim mesma, eu podia sentir que depois de embarcar naquele mundo não teria volta. Ele estendeu a mão para mim, e embora eu estivesse exitante em aceitar, acabei segurando firme nas mesmas, e respirando fundo. Se algo realmente tinha mudado da noite pro dia, cabia a mim descobrir por mim mesma, e é o que eu estava afim de fazer, e fiz.
Desde aquele dia só observava meus pais de longe, mas a minha avó bem sabia em que mundo eu estava, de que mundo eu finalmente fazia parte. Richard me ajudou em muito com minhas dúvidas e me ensinando o que sabia, mas eu nunca podia ter certeza se ele estava ou não por perto, ele sempre sumia e demorava dias, semanas até meses para nos reencontrarmos. Não era apenas meu ser que havia mudado, eu finalmente tinha amadurecido e depois de um ano naquela vida maluca e na luta contra formas ocultas eu me tornei uma detetive. Eu ainda nem tinha idade para aquele trabalho, mas nada que uma identidade falsa não resolvesse. Dezesseis anos da minha avida tinham se passado sem que eu soubesse o que eu realmente era, eu deveria me sentir uma fraude, mas de certa forma entendia o porque de terem demorado tanto para me revelar o meu próprio segredo. Eu tive uma infância, tive uma vida, e o único amor que conheci desta era aquele que ainda me acompanhava, sim, eu tinha me apaixonado pelo nobre demônio que me encontrara, assim como ele também havia se apaixonado por mim, porém, ambos sabíamos que nossa relação poderia ser desvantajosa para nós mesmos, por isso nos contentamos em ser amigos que se beneficiavam vez ou outra. A Arwen patricinha tinha morrido, mas não tinha ido para sempre, apenas tinha mudado, precisamente renascido, dando espaço para a Arwen bruxa, uma bruxa que encontrava o disfarce perfeito em sua profissão, para investigar crimes que muitas vezes não encontravam a solução. Não uma plausível o suficiente, para os poucos cidadãos inocentes que ainda existiam em um mundo louco de seres malignos, e outros nem tanto.
Depois de dedicar-se inteiramente ao que passou a fazer, conciliando seu trabalho real com a sua verdadeira identidade, aos poucos a a jovem bruxa desenvolve-se, revelando uma força absurda a cada caso que consegue solucionar. Ela continua um mistério para seus colegas detetives, que não encontram nada que possa incriminá-la ou que seja ruim o suficiente para que ela deixe de ser a queridinha do chefe.



Photoplayer (Ator, atriz, cantor, enfim, o que representa seu personagem no fórum): Kate Beckinsale
avatar
Arwen Undomiél

Mensagens : 1
Data de inscrição : 03/09/2011
Idade : 25

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] ▬ Arwen Undomiél

Mensagem por Sarah Wolfric em Dom Set 11, 2011 4:14 pm

APROVADA!!

_________________
[Ficha.do.Personagem]
Sarah Alicia Wolfric - Lobisomen - Rainha de Wolfric.




An angel's smile is what you sell
you promise me heaven, then put me through hell
avatar
Sarah Wolfric
Moderador

Mensagens : 362
Data de inscrição : 12/04/2011
Idade : 25
Localização : Reino Wolfric

http://succubusnovel.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum